segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

A torre, o peixe e o Yahoo

É sempre tão legal quando a gente entende a ligação das coisas. Qualquer um que já leu O Guia do Mochileiro das Galáxias lembra do Peixe-Babel. Mas quantos sabem do por que dele ter este nome?

"Peraí, o que é o Peixe-Babel?" Segundo o Guia do Mochileiro das Galáxias:

... se você introduz no ouvido um peixe-babel, você compreende imediatamente tudo o que lhe for dito em qualquer língua.

(seria barbada fazer turismo na China com um peixe desses, né?)

Ao ler a página da Wikipédia sobre a Torre de Babel (motivado pela leitura do livro A Batalha do Apocalipse), percebi que a escolha do nome "Peixe-Babel" não foi por acaso. Reconstituindo os "fatos": a torre foi uma tentativa do homem de chegar ao Céu, e que Deus não gostou nem um pouco. Como castigo, Deus espalhou os humanos pela Terra e os condenou a falar diferentes línguas. Assim, não conseguiriam se comunicar para recomeçar a construção da torre.

Achei genial a referência do Douglas Adams ao bom livro. E aonde entra o Yahoo nessa história? Bem, o tradutor eletrônico do Yahoo se chama justamente Babel Fish, fazendo mais uma referência ao peixinho do Douglas Adams e, indiretamente, à torre bíblica.

A partir de hoje, sempre que eu ouvir a palavra "Babel" vou pensar em babilônicos construindo uma torre usando peixes nos ouvidos ツ

2 comentários:

Marcus Aurelius disse...

Bah, achei que fosse explicar o motivo de ser usado um peixe para traduzir! Li o teu post devagar duas vezes e procurei a menção a "peixe" na página Wikipédia até me dar conta que a explicação era da parte "-babel" e não da parte "peixe-", huahuahua. É que eu achava a parte "-babel" fosse óbvia, e o motivo de ser um peixe (e não um aparelhinho qualquer) foi o que sempre me intrigou...

Leonardo Fischer disse...

Hahaha! Pra mim a explicação de ser um peixe é a seguinte: foi o Douglas Adams quem escreveu o livro, logo a escolha de colocar um peixe no ouvido não é tão absurda. Não duvido que tenha algum motivo especial para que ele tenha escolhido um peixe, quem sabe alguma crítica às pessoas que gostam de sushi... O pior é que agora eu também fiquei intrigado com essa escolha, hehehe